Palmitos

As palmáceas, popularmente conhecidas como palmeiras ou coqueiros, fornecem excelente alimento em seu palmito. Assim se chama o meristema apical, o local do ponteiro onde ocorre o crescimento das palmeiras.

O Brasil é o maior produtor mundial de palmitos. Os grandes consumidores são França e Estados Unidos.

Guariroba

A guariroba (Syagrus oleracea), palmeira brasileira típica de solos bons, oferece um palmito amargo, apreciado em certos pratos caipiras.

Pupunha

Cultivos de pupunha (Bactris gasipaes), palmeira nativa da Amazônia, atingem 15 mil hectares, liderados por São Paulo.

A palmeira-mãe perfilha o caule, quer dizer, gera vários "filhotes" ao mesmo tempo, formando uma touceira com elevada produção de palmitos. Sorte do meio ambiente.

Real

A palmeira-real (Archontophoenix alexandrae), de origem australiana, também tem sido cultivada visando à produção de palmito, especialmente em Santa Catarina.

Juçara

O palmito mais gostoso advém da palmeira-juçara (Euterpe edulis), é nativa da Mata Atlântica. Seu corte está proibido na floresta.

Atenção!

Consumir palmito-juçara pode acobertar um crime ambiental.

Açai

O fruto do açaí é muito rico em antocianina, substância antioxidante que facilita a circulação do sangue e ajuda no combate ao colesterol e aos radicais livres.

Possui ainda muita energia, sendo indicado para quem necessita de calorias extras, como os atletas.

Radiação

Tecnologia recente utiliza baixas doses de radiação ionizante para eliminar fungos e bactérias que deterioram o palmito após a colheita, dando-lhe maior durabilidade no mercado.

O processo de higienização desenvolvido pelo Ipen substitui a esterilização química e, mais seguro, vai facilitar as exportações de palmito nacional. 

Saiba mais

Agroindústria Artesanal / Embrapa
http://goo.gl/TbVbU 

Cultivo do pupunha / Ceplac
http://goo.gl/tf7j1 

Palmito da palmeira real australiana / Shirley A. G. Berbari e outros / ITAL 
http://goo.gl/LqgvC 

Cultivo da palmeira real (vídeo)
http://goo.gl/L8tZe 

Descrição e cultivo do juçara / Biologo.com
http://goo.gl/lIH9e